segunda-feira, 10 de maio de 2010

Para quem gosta de ler e refletir.

ESCOLHENDO VIVER SABIAMENTE  
(Por Denise Puppin)

Quando olhamos para nosso interior entendemos que nossas histórias vividas constituíram nossa maneira de perceber o mundo exterior. Somos frutos de nossas histórias.

Nossa biografia foi composta por momentos bons e não bons e, entender o passado vivido nos faz compreender melhor quem somos hoje. Nossas motivações e frustrações, nossa força e medo, alegrias e tristezas, são consequências de incentivos, desestímulos e, interpretações de padrões de comportamentos que julgávamos certos ou errados, daqueles que estavam ao nosso redor.

A riqueza do amadurecimento.
Quando temos o “foco no crescimento”, dirigimos nossa mente e nosso espírito para frente. Ao administrarmos com sabedoria as emoções positivas e principalmente as negativas que afloram em nosso ser, lidamos prudentemente com as experiências da ocasião. Sabedores que os sentimentos negativos do passado podem emergir e afetar contraproducentemente nosso momento presente, deveríamos nos prontificar a uma nova atitude interior.

Crescer é evoluir. Transformações sucessivas são naturais no processo evolutivo. A semente fecunda, germina, cresce e dependendo da sua natureza, floresce ou frutifica.

Aceitar o passado com suas alegrias ou dores é valorizar o próprio legado. Viver o “hoje”, com a experiência sensata do “ontem”, possibilita o conforto e a segurança emocional do “amanhã”.

Escolher viver com sabedoria é parar de temer pelos erros e, sobretudo evitar lamentar as falhas ou faltas sofridas. É dedicar-se a descobrir o próprio apreço e prontificar-se a viver comprometido a oferecer o melhor para si mesmo. Convergir afetuosa atenção à própria evolução é decididamente viver sabiamente.


Denise Puppin é fonoaudióloga (4744 RJ), Professora de Oratória (acadêmica, artística, forense, política, popular e sacra) e retória contemporânea; Consultora em Comunicação Humana com ênfase no desenvolvimento do 'Ser Integral'; Consultora de Imagem e Estilo Pessoal; Trainer e Coach de Apresentações, Discursos e Treinamentos; Master Practitioner em PNL - Programação Neurolinguística (Instituto de Berlim/Rio); Especialista em Experiência de Aprendizagem Mediada (Icelp/Rio) e Emotologia; Terapeuta no 'método Padovan de Reorganização Neurofuncional'.
Desde 1991, ministra treinamentos e cursos individuais, grupos e empresarial em todo o Brasil.

Este texto pode ser reproduzido desde que seja mencionada a autoria e a fonte de onde o mesmo foi extraído, ou seja, o endereço desse blog.

Lei 9610/98 – Proteção dos direitos intelectuais.
Copyright dP® 2010 (Todos os direitos são reservados) 
Texto registrado no EDA


depuppin@uol.com.br

escoladeoratoria@uol.com.br

http://atelierdevozefala.zip.net/

http://twitter.com/Denise_Puppin


ATELIER de VOZ e FALA ®
“A obra de arte é você”

20 comentários:

  1. Belas e sábias palavras Denise, elas me confortam! Lembro dos nossos encontros e do grupo e lembro do compromisso que firmamos em crescer, em desenvolver. Muito bom!

    Adorei o blog!

    Parabéns,
    Natácia Dias

    ResponderExcluir
  2. Denise, você sempre tem as palavras certas no momento certo! sua sensibilidade é incomum! Te admiro muito! nunca me esquecerei dos nossos cursos!

    ResponderExcluir
  3. Aí Denise!
    Gostei mesmo, é o início de uma escritora?
    Parabéns! Escreva mais, escreva bastante. Esses temas sobre qualidade de vida têm atraído muito a minha atenção. Penso que precisamos refletir sobre coisas assim para transitarmos por esse mundo meio doido, mas de bem com a vida.
    Beijo carinhoso,
    Mario Jorge.

    ResponderExcluir
  4. Suas palavras refletem a seriedade e a sensibilidade com as quais você exerce o seu trabalho. Além de exercer sua profissão com excepcional maestria, você possui uma generosidade ímpar que raramente encontramos nas pessoas atualmente. E mais, nos ensina a sermos assim também, através do exemplo. Beijos!! Te admiro muito!!
    Luzimar.

    ResponderExcluir
  5. Quando começei a ler sobre timidez ví que a maioria dos textos me levava para interpretação do passado. Como se tivesse atravessado uma ponte, seu texto me leva para o outro lado da margem da vida, com o olhar para frente, que, de acordo minhas escolhas e desafios, pode ter um horizonte colorido.
    Parabéns!

    ResponderExcluir
  6. Parabéns Denise,

    Seu textos são muito bons. Além de trazerem mensagens superpositivas, estão numa linguagem bem objetiva.
    E esse formarto de textos mais curtos é muito bom, principalmente para a internet.
    Uma comunicadora de mão cheia.

    Abraços!

    ResponderExcluir
  7. Olá Denise, gostei muito sim da timidez, é um horror e acho que pode gerar fobia social, qdo nao tratado. Entao fale mesmo pra gente poder aprender, obrigada e parabens pelo seu trabalho!
    Gilmara

    ResponderExcluir
  8. Parabens pelo texto. Ele é muito útil para uma sociedade que precisa reencontrar o sentido da vida sem culpa.
    Deixo a minha alegria por ler o texto e pela sua lembrança
    Abraços
    Fernando de Alcantara

    ResponderExcluir
  9. oi, Dê.

    O texto é lindíssimo. Reflete a sua experiência sobre o assunto.
    Descobrir-se, não só no sentido do que está errado ou certo, mas sim, encontrar a sua verdade íntima, seus valores. Somente assim, poderemos vencer os desafios que a escolha pelo crescimento envolve.

    Abraços.

    Kátia.

    ResponderExcluir
  10. Denise querida, encontrei nas suas palavras a sabiduría do fluxo da Natureza... a Natureza faz escolha de viver sabiamente, as pessoas podem fazer escolha de viver sabiamente, se desenvolvendo ao longo do tempo e fazendo aprendizagem dos fatos e também dos erros. Parabéns. Raúl.Lima Perú

    ResponderExcluir
  11. vanjadoula.blogspot.com24 de julho de 2010 23:18

    Seu trabalho remove montanhas, energiza a vida, qualifica as pessoas. Parabéns pelo blog. Aguardo muitos temas. Vanja

    ResponderExcluir
  12. Muito interessante o texto e faz as pessoas que leêm, parar para pensar na vida e as experiências vividas.... realmente são as nossas vivencias as que nos fazem crescer ou não.... somos humanos e temos o poder da escolha... perante qualquer situação, podemos escolher! o melhor caminho (que nem sempre chega a ser o melhor no final!!! hehehe)
    Abs e bjs a todos... e parabéns pelo texto....

    ResponderExcluir
  13. Achei este texto muito importante para nossa vida. Com tantos acontecimentos inevitáveis:alegrias,tristezas,frustrações,etc. Devemos valorizar somente o que acontece de positivo. Mas é claro que as emoções negativas também devem ser bem administradas, faz parte do nosso amadurecimento,e saber administrar essas emoções negativas, é o grande desafio.

    ResponderExcluir
  14. Parabéns Denise.
    Um ótimo texro. me fez lembrar uma frase antiga: " pior do que ter que aprender com as dores da vida, é não aprender com as dores da vida!"
    Beijos
    e vamos tomar em breve o nosso café.

    ResponderExcluir
  15. Olá Denise,

    Gostei bastante de sua forma clara de informar que sua missão de preparar pessoas para o êxito em seus portais internos e para o mundo é sua excelência.

    Parabéns a você e a todos que florescem a partir do Atelier da Voz. e da Fala.

    Suhely dos Duarte

    ResponderExcluir
  16. Prezada Denise,

    Artigo bastante rico e interessante. Parabéns!

    Felicidade!

    Fernando Hartmann

    ResponderExcluir
  17. Palavras sábias.
    Escolher viver com sabedoria é ter a sabedoria para viver crescendo diante do espelho e dos que estão ao nosso redor.

    ResponderExcluir
  18. Prezada Denise,
    Como de costume, seu texto e sua inspiração são de uma profundidade ímpar. Muitas situações que, não raramente, ocorrem em nossas vidas, às vezes angustiantes ou que nos causam pânico e embaraço, são frutos de lembranças ou vivências do passado, e nada tem a ver com o presente. Para que possamos caminhar na direção da felicidade, da prosperidade e da realização, seja ela profissional, financeira ou sentimental, temos que procurar ter sempre em nossas mentes o pensamento positivo, a consciência plena do momento presente - o presente precioso, evitando, com isso, que nos sugestionemos ou nos contaminemos com idéias ou "certezas" que hoje não mais fazem parte das nossas realidades. Tenho plena consciência de que isso depende de exercícios constantes e repetitivos, e de certa coragem para o enfrentamento das situações e circunstâncias que apenas nos parecem negativas, mas que na realidade não são. E você, Denise, com seu profissionalismo, dedicação, competência e, sobretudo, palavras de apoio, sem dúvida alguma, consegue extrair até daquelas pessoas mais necessitadas, a força necessária para melhorar a auto estima e encarar os desafios. Parabéns pelo seu trabalho. E obrigado pelos elogios.
    Um forte Abraço,
    Carlos Cícero.

    ResponderExcluir
  19. Parabéns, Denise, pelo sucesso de Café com Palavras!
    A leveza do evento oportuniza a cada aluno compartilhar sua singularidade e conquistas com o Grupo, ao mesmo tempo em que estabelece novos desafios a serem superados.
    Prova de que com vontade, posicionamento e grupalidade chegamos mais longe!
    Um grande abraço,
    Carmen

    ResponderExcluir
  20. Realmente somos fruto de nossas escolhas. Nosso livre arbítrio muitas vezes nos levam a escolhas inadequadas e arcar com as consequências das mesmas é que nos levam à nossa evolução.
    Abs
    Patrícia

    ResponderExcluir